sábado, 14 de janeiro de 2017

5 metas para 217

O cartão mais lindo e verdadeiro que eu ganhei da oficialmente madrinha do blog Lena!

Ainda posso falar do ano passado? 

 2016 foi um ano conturbado, ruim em aspectos mundiais e bom nos aspectos pessoais e acho que não agradeci nem o suficiente nem devidamente as coisas boas que aconteceram nele. Então eu preciso fazer isso, porque gratidão é uma das coisas mais incríveis dessa vida. 
  Eu entre para o SA (outras 6 meninas que moram em vários cantos do Brasil e que vão ser muito citadas nesse blog porque elas são maravilhosas ok?), e conheci algumas das meninas. Nós criamos a Tertúlia, que definitivamente é um dos melhores projetos que eu entrei. Eu conheci a minha autora favorita, que é também uma das pessoas mais lindas que eu já vi na vida (por dentro e por fora). Tive um dos melhores aniversários da vida. Fiz uma lista de 101 coisas em 1001 dias e consegui realizar muita coisa. Eu fui a lugares lindos. Eu conheci pessoas lindas.Eu fiz coisas que eu queria fazer e algumas eu deixei de fazer por causa do medo (vergonha para mim e para a minha vaca!) Eu tive momentos ótimos com meus amigos e principalmente com a minha família. Eu consegui entender coisas que não faziam nenhum sentido para mim em  2015. Eu mudei de formas que eu nem consigo mencionar. Foi ótimo no sentido geral. Meu muito obrigada a todas essas coisas que eu não vou conseguir esquecer 2016. 

Agora vamos falar de 2017!



 Já estamos na segunda semana do ano e  eu ainda não fiz ~~oficialmente~~ as minhas metas para o mesmo. Confesso que isso é meio desesperador, dá aquela leve impressão de perca de tempo (o que talvez de fato esteja acontecendo de verdade *riso nervoso*) . Eu decidi listar as minhas metas aqui ao invés de listar na categoria secreta do Listography porque faz com que elas pareçam mais reais. Existem poucas coisas nessa vida que eu levo tão a serio quanto listas. Uma parte de mim automaticamente sempre se despõe a tentar riscar todos os itens que eu coloco e eu realmente fazer coisas esse ano. 


1- Me dar a chance do novo/ tentar coisas novas

  A  primeira meta é em geral a que eu mais levo a serio. Em 2016 eu fiz essa lista de metas onde o primeiro item era "fazer algo para não morrer a cada vez que preciso subir um morro!"e nossa uma das melhores coisas foi riscar essa meta. Assim como me exercitar a meta de tentar coisas novas é uma coisa que deve ser praticada diariamente. Chega de não fazer as coisas por medo. Vamos dizer aqui que nem são coisas perigosas ou fora da lei, tipo usar drogas eu nunca nem quis usar drogas. São coisas simples e bobas que no final do dia a gente deita a cabeça no travesseiro se arrepende por que poderia ter sido uma experiencia ótima.  Essa meta não se restringe só a minha vida pessoal, mas em tudo, no trabalho principalmente. 

2- Descobrir mais coisas sobre mim e não me sentir mal por ser quem eu sou

Pode parecer uma coisa simples e óbvia, mas olha não é não. Não é mesmo. 
 Em 2015 aconteceu uma coisa muito difícil para mim e eu tive que lidar o ano inteiro com a pressão emocional  e sentimentos conflitantes, eu queria desesperadamente que as pessoas não dependessem tanto de mim, da minha opinião, eu não queria falar com ninguém. Foi muito difícil ter dias super legais na escola e quando voltava para a casa aquele peso todo caia sobre mim de novo, e foi mais difícil ainda quando os dias eram ruins. Em 2016 eu descobri que na verdade as pessoas não precisavam de mim, que na verdade as coisas tinham mudado muito e muito rápido, no começo isso foi um baque, mas me deu espaço para curar as coisas que me atormentavam e curtir mais a vista. 
 Em 2017 eu jé descobri que várias coisas que eu achava que eram certas na verdade não passavam de mentirar, uma dessas coisas foi o meu mapa astral (a vida toda eu achei que fosse um, mas na verdade não). Mas quer saber? Eu não tô mal com isso. Eu quero descobrir mais coisas sobre mim mesma. Melhorar as coisas, valorizar o que eu gosto e não me sentir mal com isso. 
 No final existe sim uma pessoa que depende de mim, quem? Eu mesma. 

3- Ler uma coisa por dia 

 Eu não quero me sobre carregar nesse ano de fim de colegial, mas tô precisando tomar vergonha na cara e não comprar livros sem antes ter lido boa parte do que estão na estante está bem de pé.
Essa meta não envolve só livros, envolve poemas, envolve blogs, newsletters, contos, etc. Quero que a leitura vire um habito cravado em mim. 

4- Escrever mais

A mesma questão da meta acima, só que aqui tem uma coisa: quanto mais você pratica melhor você fica. Eu até criei um projeto com o meu tumblr de escrita chamado "Projeto 12 Contos" que consiste em escreve rum conto de acordo com o tema proposto a cada mês do ano. Eu pretendo escrever mais coisas, na verdade a meta era para escrever uma coisa por dia, (até foi por isso que eu voltei com o blog)  mas eu não quero ter uma sobrecarga muito grande. Vamos apenas fazer dando o nosso melhor que as coisas vão para frente sem pressão, sem dificuldades, curitindo a vista. 

5- 207 coisas para 2017


Eu fiz essa lista no final do ano passado e ela vai falar muita (!) coisa sobre o que eu quero fazer. Na verdade não são metas, são apenas coisas, mas mesmo assim são 207 coisas né? 



Então acho que cheguei ao fim. Não são muitas metas, mais são coisas para trabalhar no dia-a dia, me sinto melhor assim, sabendo que são coisas realistas que realmente depende de mim para acontecer e de ninguém mais. 

Olha só: Agora eu  tenho uma playlist com as musicas que eu esculto durante o ano e ela está publica. Se vocês quiserem ouvir (enquanto ainda podem kkk) 

E as suas metas? Conta ai para mim! 

0 Kommentare

Postar um comentário